Sedeada no Casal de St. André, Povoa de St Adrião às portas de Lisboa, a Santo André Lusitanos, fundada em 2002 por António Borba Monteiro e seus discípulos, é uma Associação Equestre sem fins lucrativos que tem por objecto promover, a nível nacional e internacional, a preservação, divulgação e evolução do Cavalo Lusitano e da prática da equitação académica de raiz portuguesa, amplamente desenvolvida aqui no Casal, por reconhecidos cavaleiros e mestres nos últimos 50 anos.

Santo André LusitanosNuno Oliveira, Professor Celestino da Costa, D. Diogo de Bragança, René Bacharach, João Trigueiros de Aragão, Michel Henriquet, Filipe Graciosa, Francisco Cancela de Abreu, António Borba Monteiro e o anfitrião Dr. Guilherme Borba.

A dimensão e entusiasmo desta prática da Equitação Académica levaram á formação de duas das quatro Escolas de Arte Equestre da Europa, com cavalos e cavaleiros de origem Lusitana sob a orientação técnica de Mestre Guilherme Borba - A Escola Portuguesa de Arte Equestre e a Escola Andaluza de Arte Equestre de Espanha – que, juntamente com as suas congéneres, Escola Espanhola de Viena da Áustria, Cadre Noir de Saumur em França, apresentaram, pela primeira vez, a célebre Gala das Quatro Escolas Paris 2010. Efeméride representativa do esforço de preservação de um património do mundo.